top of page

Projeção do mercado global de jogos ultrapassa os US$ 18 bi

Uma pesquisa da Newzoo, empresa especializada em dados de jogos, lançou em agosto seu relatório anual, o Global Games Marketing Report, que aponta que o mercado global de jogos vai gerar US$ 187,7 bilhões em 2023, isto é um crescimento de 2,6% em relação ao ano anterior. Além disso, o número de jogadores em todo o mundo chegará a 3,38 bilhões em 2023, um aumento de 6,3%. 

Imagem: reprodução/TecMundo

Os US$ 56,1 bilhões que devem ser gerados com consoles em 2023 devem impulsionar o crescimento da receita global de jogos, em um momento em que os dispositivos móveis lidam com restrições, muitas delas provenientes de mudanças relacionadas à privacidade de dados.


Celulares hoje respondem pela maior parte dos novos jogadores. 

De acordo com a Associação Brasileira de Fantasy Sports, ABFS, no Brasil os celulares também respondem pela maior parte dos jogadores de fantasy. De acordo com Rafael Marcondes, presidente da ABFS, nas mais de 25 empresas que compõem o mercado, mais de 75% dos praticantes dessa modalidade de game jogam via aplicativo de celular.


Como os jogos continuam a permear a cultura pop e com o envelhecimento constante dos jogadores, a tendência é de que o número aumentará em todos os níveis. O número de jogadores globais deve continuar a crescer à razão de 4,3% atingindo 3,79 bilhões de jogadores até o final de 2026, segundo a Newzoo.


Os maiores lançamentos transmídia baseados em jogos de 2023 - incluindo o filme Super Mario Bros. e The Last of Us da HBO - e os inúmeros outros filmes e programas de TV relacionados a jogos emprodução continuarão a legitimar a indústria entre os jogadores. 

O número de jogadores deve crescer 7,3% globalmente, chegando a 1,47 bilhão em 2023. Projeções apontam um crescimento de 4,7% ao ano, para atingir 1,66 bilhão de jogadores até o final de 2026.


A região da Ásia-Pacífico responde por mais da metade dos jogadores em todo o mundo, graças a grandes mercados como Índia e China e países altamente engajados em jogos, como Japão e Coreia do Sul. Enquanto isso, a América do Norte e a Europa representam 20% dos jogadores. Relativamente, nos mercados menos maduros como Oriente Médio e África a expectativa de crescimento do número de praticantes é de +12,3% ao ano e, na América Latina, a projeção é de +6,1%. 


O ritmo de crescimento menos acelerado dos games na América Latina, quando comparado a outras regiões do planeta se deve a alguns fatores, como a falta de regulamentação adequada, nível de infraestrutura de internet (móvel), acessibilidade e o não aumento da classe média no continente latino americano.


0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page