top of page

O paulistano cultural 2/5: turistar em São Paulo é ter história em cada lugar

Seja o Beco do Batman, o Museu Afro Brasil, o MASP, o Museu do Futebol ou o Jardim Botânico, a cidade de São Paulo tem diversos lugares para turistar e entender mais sobre a construção do município mais rico do país.


Imagem: Pixabay/ Estádio Pacaembu


A cultura paulistana em relação ao turismo é diferente, pois muitos paulistanos saem da cidade que não dorme, justamente, para descansarem dessa rotina agitada da metrópole. Mas, embora viajar para fora seja maravilhoso, sempre há o que fazer (e o que defender) na capital paulista.

São Paulo é riquíssima em cultura, afinal de contas, existe o bairro da Liberdade, com um pouco do Japão para se sentir fora do Brasil, além também de lugares históricos e representativos, como o Mercado Municipal, com seu famoso pão com mortadela, prato queridinho do paulistano.


Há, inclusive, quem usa e abusa dos Shoppings, pois São Paulo tem para todos os gostos, e falando em gosto, a comida existente em cada ponto do centro de São Paulo, como na mais importante avenida de São Paulo, quiçá do Brasil, é surpreendente. Comer na Paulista, andar de bicicleta, ir ao MASP, ou simplesmente saber que lá tem grandes empresas, e andar tão somente, é sinônimo de um domingo tranquilo para o paulistano.


Imagem: Pixabay/ Avenida Paulista


A Avenida Paulista é um ponto de encontro de todas as classes sociais, seja zona sul ou zona leste, todos se conectam na culturalmente conhecida e acolhedora Paulista.


Os paulistanos sabem que rolou protesto, então é melhor evitar o centro de São Paulo, e isso se dá ao fato das conexões da cidade, com os ônibus municipais e trens, sob responsabilidade do Governo Estadual.


Acessar a Paulista é fácil, e um dos lugares mais utilizados é a histórica Estação da Luz, que é ponto turístico para muitos também, por sua arquitetura e, de fato, sua história.


Imagem: Pixabay/ Estação da Luz


Cultura é história, ou seja, educação, e isso se traduz em tradição, tradição em conhecer o lugar, conhecer a cidade, e saber que a aniversariante do mês tem cultura em cada canto.

0 comentário
bottom of page