top of page

China lidera na produção de lixo eletrônico

O lixo eletrônico, conhecido como e-lixo, se descartado de maneira errada, impacta na vida pública da sociedade. Os metais pesados encontrados no lixo eletrônico geram danos ao meio ambiente. O e-lixo pode contaminar solos, lençóis freáticos, os organismos da fauna e da flora e reduz o tempo de vida dos aterros sanitários.


Imagem: Site DW


Campeão de produção de resíduos eletrônicos, de acordo com o Samvit, a China produz 10,1 milhões de toneladas de lixos eletrônicos, seguido dos EUA, que produzem 6,9 milhões e a Índia, que chega a marca de 3,2 milhões.


Juntos, os três países que lideram o ranking são responsáveis por 38% do e-llixo produzido no mundo.


Entre os países da América Latina, o Brasil é o campeão. Só em 2019, a título de exemplo, o país produziu 2,1 milhões de toneladas, e a tendência é de que haja uma alta de produção do e-lixo.


0 comentário
bottom of page